35) – C19 Upshot | Não é *SE* foi exposto ao Coronavírus. É *QUANTO*. | A economia está de pernas para o ar. E agora? | Paulo Querido

1 jun 2020 // Hoje temos escolhas de Paulo Querido, JL Andrade, Ana Roque.

🤒 Não é *SE* foi exposto ao Coronavírus. É *QUANTO*.

Quando os especialistas recomendam o uso de máscaras, ficar pelo menos a dois metros de distância dos outros, lavar as mãos com frequência e evitar espaços apinhados, o que eles estão realmente a dizer é o seguinte: tente minimizar a quantidade de vírus que encontra.

Umas poucas partículas virais não podem levar-nos a adoecer – o sistema imunitário destruiria os intrusos antes que eles pudessem. Mas quanto vírus é necessário para que uma infecção crie raízes? Qual é a dose mínima eficaz?

[Apoorva Mandavilli – The New York Times]

💶 A economia está de pernas para o ar. E agora?

A pandemia pôs a economia de pernas para o ar, com verdades sagradas a serem questionadas e a ordem natural das coisas baralhada. Houve investidores a recusar petróleo grátis. Os bancos centrais questionam os dogmas das suas políticas monetárias. Em tempos excecionais, os governos tomam medidas extraordinárias e o Estado assume um papel cada vez mais importante para segurar a economia, as empresas e os postos de trabalho.

Bruxelas começa a permitir que se quebrem algumas das solenes regras orçamentais. O Grande Confinamento alterou muitos dos fundamentos económicos e empresariais. E algumas das mudanças até podem passar de temporárias a permanentes.

[Nuno Aguiar – Visão]

CURTAS

😥 Os ignorados e os invisíveis. Mesmo no meio das dificuldades, a crise não toca a todos. Não, toca mais a uns do que a outros. E nós ajudamos a que seja assim. [José Pacheco Pereira – Público]

🦾🤳 Como Le Monde, The Washington Post, The New York Times e outros meios de comunicação social criaram comunidades online durante a pandemia. No início do surto, os meios de comunicação social verificaram e corrigiram as notícias que circulavam sobre o vírus. Mas quando a contenção foi anunciada, depararam-se com um novo desafio: o de acompanhar os leitores num novo período em que a sociabilidade só era possível através da Internet. [Diana Liu e Laure Delmoly – Meta-media]

🙏 Daniel Innerarity: “a direita deve reflectir sobre o que é a liberdade de propagação. Uma vez que o confinamento não lhe permitiu sair, que é o que ele realmente gosta, um dos principais filósofos espanhóis aproveitou o tempo para escrever Pandemocracia, a sua visão das causas, gestão e efeitos desta crise do coronavírus. Uma entrevista importante. [Iñako Díaz-Guerra – El Mundo]

🥳 As festividades tornam-se um foco para o ressurgimento do coronavírus. Várias celebrações puseram os serviços de saúde em alerta. Uma festa em Lérida impediu a província de avançar nas fases de desconfinamento. [Pablo Linde – El País]

🍜 Um terço dos portugueses receia que lhe faltem alimentos por dificuldades económicas.. Estudo elaborado pela Direção-Geral da Saúde aponta que 33,7% dos cidadãos não sabem se têm condições para pagar comida. Residentes no Alentejo, Açores e Algarve admitem mais dificuldades. [Rita Rato Nunes – DN]

BOOKMARKS

  1. 📈 Direção-Geral de Saúde: ponto de situação atual em Portugal (link)
  2. 💊 Mapping COVID-19 Research: The “Map of Hope” provides a geographical overview of planned, ongoing and completed clinical trials. (link)
  3. 📊 Dashboard Interativo – Evolução do Covid-19 em Portugal e no mundo (link)
  4. 📊 Reuters: breaking the wave (link) (enviado por Marisa Torres da Silva)
  5. 📊 ESRI: Evolução Covid-19 em Portugal – Dados Adicionais (link) (enviado por leitor anónimo)
  6. 📈 European monitoring of excess mortality for public health action (link) (enviado por Manuel Carreira)
  7. 🕸️ Google: See how your community is moving around differently due to COVID-19 (link)
  8. 🏙️ Público: Como está a evoluir a pandemia onde eu vivo (link)
  9. 🏛️ Oxford University: Government Response Tracker (OxCGRT) (mapa das políticas de resposta, RECOMENDADO) (link)
  10. Ministério da Saúde: Vigilância da mortalidade (link)
  11. Uns estão a vencer, outros não: que países estão a safar-se melhor na luta contra a COVID-19? (link)
  12. Pordata: Números da Crise. Dezenas de indicadores-chave para melhor analisar o impacto económico e social da Covid-19 em Portugal (link) (enviado por leitor anónimo)

Conhece um gráfico, documento ou interatividade excelente que deva estar nesta lista de bookmarks? Sugira enviando-nos uma mensagem.

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.