Coroa Imperial de D. Pedro II | © Museu Imperial

A coroa imperial de D. Pedro II é um dos tesouros mais valiosos do Brasil. Lavrada em ouro pelo ourives brasileiro Carlos Marin no Rio de Janeiro, foi adornada com os diamantes da anterior coroa de D. Pedro I primeiro imperador do Brasil (soberano entre 1822 e 1831), e com uma fiada de pérolas finas que foi oferta de D. Pedro I ao seu filho D. Pedro de Alcântara para a ocasião da sua aclamação e coroação em 1841, cerca de dez anos volvidos sobre a sua regência.
Com um total de 639 diamantes e 77 pérolas, a coroa, com quase 2 quilogramas de peso, está em exposição permanente no Museu Imperial de Petrópolis. Em 2004 a Casa Amsterdam Sauer executou uma réplica desta coroa em prata dourada, com quartzos incolores e pérolas de cultura, que faz parte do seu museu.

© Museu Imperial

Retirado do Facebook | Mural de Augusta Barranha

29 ABRIL | ARTSPACE JOÃO CARVALHO | APRESENTAÇÃO DO JAZZMINDE 2016

O ARTSPACE foi o local eleito para a apresentação oficial do 12º Festival de Jazz de Minde no dia 29 de Abril de 2016. Um moderno espaço onde o artista JOÃO CARVALHO expõe a sua espectacular obra, e onde a arte se irá encontrar com o jazz.

as01

Continuar a ler

Rui Chafes no Centro de Arte Moderna

Esta exposição antológica do escultor Rui Chafes é, no que respeita ao número de obras, a maior mostra de sempre do artista português no nosso País. O Peso do Paraíso reúne vinte anos de produção daquele que é um dos mais importantes artistas da sua geração e ocupa tanto o interior como o exterior do Centro de Arte Moderna, prolongando-se pelos jardins da fundação.

saiba mais