Escritora Rita Pinheiro e o poeta Valdeck Almeida de Jesus palestram na Colômbia

A Garimpeira da Cultura Rita Pinheiro e o articulador cultural Valdeck Almeida de Jesus participam da 16ª edição do Parlamento Internacional de Escritores da Colômbia (em homenagem a Emile Brönte), que acontece de 22 a 25 de agosto de 2018, em Cartagena das Índias, com exposição de livros, leitura de poemas e apresentações de recital.

Valdeck Almeida de Jesus, Embaixador do Parlamento para o Brasil, fará leitura de poemas e de um artigo sobre a cena poética da periferia de Salvador, bem como doará um exemplar do livro “Poéticas Periféricas: novas vozes da poesia soteropolitana” ao presidente do Parlamento, poeta Joce Daniels. Esta coletânea reúne cem poetas das quebradas da capital baiana, e foi recentemente lançada na XXV Bienal Internacional do Livro de São Paulo, no Sarau da Onça e na Flipelô (edição paralela, na Casa do Benin, ambos em Salvador). Rita Pinheiro homenageará o escritor Valdeck Almeida de Jesus com uma exposição da vida e obra do jornalista jequieense. Além do mais, fará leitura de poemas e performance poética.

O evento ocorre em paralelo ao IV Parlamento Jovem, ambos organizados pela Associação de Escritores da Costa. Nos quatro dias de colóquios, vai ter participação de artistas da palavra colombianos e provenientes da Alemanha, Argentina, Brasil, Chile, Equador, Estados Unidos, México, Peru, Suécia, Venezuela e outros lugares do mundo. A programação inclui lançamentos de livros, recitais poéticos, leituras de trabalhos literários, bate papos, debates, além de almoços regados a muita alegria, poesia e literatura.

Valdeck Almeida de Jesus (foto: Adeloyamagnoni) é escritor, poeta, jornalista, ativista cultural e mecenas do Prêmio Galinha Pulando de Literatura desde 2005. Autor de mais de 20 livros, coautor de 150 antologias, tem textos publicados em inglês, português, italiano, alemão, holandês, francês e espanhol. Embaixador do Parlamento Internacional de Escritores da Colômbia, Membro-fundador da União Baiana de Escritores – UBESC e do Fala Escritor (2009), participa de academias de letras e associações de artistas da palavra. Frequentador do Sarau da Onça, Sarau do Gheto, Sarau da Paz, Sarau do JACA, Sarau da Raça, Sarau Urbano e outros, todos na periferia de Salvador-BA, o poeta se alimenta desse caldeirão de palavras e rimas, troca experiências e dá sua contribuição à cena literária baiana. Foi presidente do Colegiado Setorial de Literatura do Estado, em 2012/2013. É membro do Conselho Diretivo do Plano Municipal do Livro, da Leitura e da Biblioteca do Município de Salvador, é membro convidado do grupo de pesquisa Rede ao Redor, do Instituto de Humanidades, Artes e Ciências Professor Milton Santos – IHAC/UFBA.

Rita de Cassia Costa Bacelar Pinheiro nasceu na cidade de Madre de Deus-BA, em 1º de abril de 1965; conhecida como Garimpeira da Cultura, tem sua formação em Educação Física pela Universidade Católica do Salvador e Bacharel em Nutrição pela Universidade Estadual da Bahia. Arte-educadora, Griô de Tradição Oral e bonequeira; desenvolve trabalhos em diversos locais do mundo, com projetos nas diversas artes, dentre eles: Grupo da Maior Idade Recordar é Viver (21 anos de fundação), Teatro de Bonecos, Recitando pelo Mundo (Poemas recitados na Praça Vermelha em Moscou, Turquia e Brasil). Autora de vários artigos já tendo publicado três livros: “Sonhos e Delírios de Mulher” (2001), “Poemas Inacabados” (2004), “A Promessa de São Roque” (2013),  “Os Poemas que eu não gostaria de escrever, e nem você de ler” (2016). Participou da Coletânea do Prêmio Literário Valdeck Almeida de Jesus com o conto “Andorinha Maria”, lançada na Bienal de São Paulo em 2012. Coordenadora Cultural do GACBA (Grupo de Ação Cultural da Bahia) e é participante do Grupo EXPLOESIA (Grupo poético formado só por mulheres).

Parlamento

O encontro faz homenagem a Alberto Llerena (Cartagena, 1944), José Luiz Díaz Granados (Santa Marta, 1946), Marco Tulio Aguilera Garramuño (Bogotá, 1949) e Félix Manzur Jattin (Lorica, 1951), que serão homenageados com a entrega do Livro de Ouro da Literatura Colombiana.

O XVI Parlamento Internacional de Escritores da Colômbia atualmente tem delegados por toda a Colômbia e diversos países, e é o evento acadêmico e literário de maior qualidade, maior atração entre os intelectuais do país e que realiza a maior projeção de Cartagena para o mundo. Declarado como de “Interesse Cultural” pelo Conselho de Cultura do Distrito de Cartagena, é cofinanciado pelo Instituto de Patrimônio e Cultura de Cartagena, Ministério da Cultura, Câmara de Comércio de Montería, Corporação Universitária do Caribe (CECAR), Instituição Tecnológica “Colégio Mayor de Bolívar”, Teatro Adolfo Mejía, assessoria da Cara de Cultura de Cartagena, Restaurante Las Indias Boutique Gormet, Casa Museo “Rafael Nuñez”, dentre outros.

Maiores detalhes no link: http://parlamentodeescritores.blogspot.com

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.