A EUROPA SE PERDE EM UM MOMENTO EM QUE OS IMPÉRIOS ESTÃO SE REAGRUPANDO | por Antonio Cunha Justo

15 de outubro de 2022

Tempos de crise global favorecem grupos globais oportunistas

Antonio Cunha Justo
Para sobreviver, o homem precisa de um habitat natural, instituições e organizações sociais com ideologias ou doutrinas estáveis que lhe dêem uma coerência interior que lhe permita identidade e identificação…
Impérios e civilizações emergiram de famílias, tribos, povos/nações. Considerando que os impérios costumavam ser determinados pelos interesses internos das nações, hoje estão organizados em torno de núcleos econômicos e ideológicos regionais…
Enquanto as relações humanas empáticas prevaleceram nas primeiras organizações, as relações funcionais (não empáticas) dominam ao nível dos conglomerados (por exemplo, ONU, OTAN/EUA, Federação Russa, China e UE).
Os superpoderes são perigosos uns para os outros, os outros são forçados a segui-los e conversar com as informações que fornecem. Estamos em um tempo que requer atenção especial a tudo, um tempo de guerras híbridas em que a propaganda e a contra-propaganda, a desinformação e a corrupção dominam, o que dificulta a avaliação da situação, pois o cidadão é, acima de tudo, resultado de informações; de informações de uma realidade puramente virtual.


A crise atual é mais dolorosa do que as anteriores, porque o mundo se tornou uma “aldeia” e o cidadão e a sociedade estão sendo replanejar e se transformar em um produto destinado a algo imediato…
Aqueles no poder, interligados, criaram uma realidade e uma atmosfera social que já vai além do cinismo e da sátira. Emerge uma consciência coletiva na qual a arbitrariedade e o absurdo reduzem a realidade a uma narrativa de fatos, sem se importar com as conexões entre eles…
Essa situação está se tornando cada vez mais precária, pois os portadores da confiança pública não são mais eles mesmos, mas se tornam propagandistas de agendas anônimas e interesses que destroem o bem-estar. Por outro lado, a aposta em uma guerra que só é destrutiva arruina a orientação da confiança interna e individual e leva a sociedade a um estado depressivo porque está inconscientemente em uma situação perdida…
Sem esperança (que é o sol da vida individual e social) não há progresso, sobrevivência e nenhum futuro, porque esperança e confiança são os elixirs da vida que são essenciais para o bem-estar individual e social…
Pensava-se que na Europa a esperança não morreria, mas com a morte progressiva do homem (da morte de Deus até a morte do homem), toda a esperança morre e é substituída por expectativas úteis. Estamos cada vez mais mergulhados na dor do luto sobre as guerras militares, subculturais (de mente pequena) e econômicas que nos reduzem na sociedade à qualidade dos refugiados indesejados que vivem na desconfiança de um mundo que faz com que muitos sonambulem através da existência e outros durmam sob o manto da tristeza. Tem-se cada vez mais a impressão de que a velha Europa, que também abusou do mundo, está morrendo dia após dia, com a vã satisfação de morrermos juntos. Uma Europa de nações, que costumava olhar para o mundo de uma perspectiva nacionalista, tem seu próprio geo.perspectiva política ainda não foi encontrada.
Em sociedades anteriores, apenas as elites estavam cientes dos erros das elites e da história; hoje os generais não se sentam mais nos quartéis, mas nos centros de informação, nos gabinetes e com os operadores globais… esquece-se que onde não há dúvida, não há desenvolvimento!
Precisamos de uma política clara que funcione para construir a paz e dê esperança às pessoas novamente.
António da Cunha Duarte Justo
Teólogo e educador

Texto completo e nota em “Pegadas do Tempo”, https://antonio-justo.eu/?p=7877

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.