Poema de Martim Soares, 1241 | in Dicionário Sentimental do Adultério de Filipa Melo

“Pero Rodrigues, da vossa mulher,

não acrediteis no mal que vos digam.

Tenho eu a certeza que muito vos quer.

Quem tal não disser quer fazer intriga.

Sabei que outro dia quando eu a fodia,

enquanto gozava, pelo que dizia,

muito me mostrava que era vossa amiga.”

 

[Martim Soares, 1241]

Dicionário Sentimental do Adultério de Filipa Melo

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s